quarta-feira, 26 de maio de 2010

Os pequenos e bons detalhes...

Meu céu azul da câmera do meu celular...

O calor do Sertão levou os bois para a água...

Hoje o dia estava especialmente lindo. O céu azul estava num tom perfeito, cheio de nuvens brancas. Uma paisagem que me fez refletir sobre os contrastes da vida. Comecei o dia cansada, numa preguiça enorme. Estava até com um pouco de mau humor pela falta de vontade de pegar a estrada em busca de mais uma reportagem especial.


Cochilei metade do caminho e ao despertar me deparei com um céu diferente do que estou habituada. Ele estava mais azul do que o comum. As nuvens mais brancas e tão grandes como nunca tinha visto. Fiquei absorvendo encantada e aquilo me fez sentir prazer em pegar a estrada.


Aquele céu é o mesmo que encontramos na capital, só que com menos fios, menos prédios, menos correria que acaba não nos dando tempo e nem espaço para admirá-lo. Na estrada sem todas essas coisas foi fácil de vê-lo. Senti uma vontade enorme de registrar aquele momento, fechei os olhos e pensei o quanto era privilegiada em estar ali naquele momento. Meu mau humor foi embora na hora.


No decorrer da estrada não faltaram lugares e espaços diferentes, tão lindos quanto o céu azul. Num determinado momento era uma árvore mais verde, noutro uma mais seca. Eram as garças voando em bando, açudes e lagos, uma boiada matando o calor num lago improvisado.


De repente tudo se transformou. Aquele céu conseguiu abrir meus os olhos para a beleza que está presente nas pequenas coisas, basta apenas querermos enxergá-las.

Nenhum comentário:

Postar um comentário