sábado, 12 de junho de 2010

Ah, o Dia dos namorados...


Doze de junho. Dia dos namorados. Adoro essa data. Sempre gostei, mesmo quando não estava namorando. Acho esse dia excelente para exercer a criatividade, seja quando estivesse acompanhada ou não. Todos podem se divertir a sua maneira, basta apenas curtir o momento.

Passar o dia dos namorados, namorando é muito bom, mas solteiro também pode ser legal. Digo isso, porque nunca tive problema com esse dia. Tem gente que fica com dor de cotovelo ou morrendo porque está só. Aconselho a vocês que estão nessa situação a se divertirem treinando, treinando e treinando até conseguir encontrar o par do sapato velho que falta para sua vida. Beijar na boca é tão bommmm e não custa nada testar por ai.

Mas voltando para minha realidade atual, afirmo com todas as letras que não tem coisa melhor do que planejar com todos os detalhes o presente do amado. Uma noite especial, um jantarzinho legal, um presente diferente. Sempre gostei e gosto de tudo que é inusitado, mesmo que dê o maior trabalhão. Já fiz cestas, kits, álbuns de fotografia, e outras milhões de coisinhas para deixar esse dia surpreendente.

Apesar de ter uma mente muito fértil, esse ano, primeiro Dia dos Namorados casada, tive uma certa dificuldade para conseguir pensar em alguma coisa legal. O presente dessa vez decidimos comprar juntos e cada um escolher o seu. Sem chances de errar e a certeza da felicidade total do outro.

E para onde vai o romantismo peculiar dessa data? Foi a pergunta que tive que me fazer sobre o que fazer neste doze de junho. Pensei em mil coisas, mas essa convivência grudada, onde fazemos quase tudo juntos, me deu foi uma trabalheira para tentar fazer uma surpresinha. É claro que não iria parar num simples presentinho escolhido né? Lógico que não iria. Tem mais uma surpresa por ai, mas nem posso dizer nada senão estrago a surpresa – já que ele é meu leitor assíduo.

Enfim, desejo a todos um Dia dos Namorados apaixonado e cheio de emoções. E aproveito para fazer uma sugestão, independente do presente escolhido não se esqueça de abrir seu coração para aquele que você gosta. Fale mesmo e diga com todas as letras um sonoro- EU AMO VOCÊ!!!


Nenhum comentário:

Postar um comentário