segunda-feira, 4 de outubro de 2010

O dia depois da eleição...

Hoje Maceió amanheceu com um clima diferente. Passado o primeiro turno da eleição, restou muita sujeira nas ruas, poucos carros circulando – acho que as pessoas ainda estavam de ressaca das comemorações, e a expectativa para saber quem vai ser o futuro governador.

Sem dúvida o pleito desse ano foi uma espécie de caixinha de surpresa. Ele só foi mesmo decidido na reta final. As pesquisas, até aquelas mais corretas, acabaram se enganando. Houve renovação na Assembléia Legislativa, na Câmara Federal e no Senado. Novos nomes vão habitar o cenário político em 2010 e antigos nomes, acabaram ficando de fora.

Acho que a escolha do alagoano mostrou que não somos tão ingênuos e burros assim, como muitos pensavam. Para quem elegeu Tiririca em São Paulo e Romário no Rio de Janeiro, não estamos tão mal em colocar para o Senado novos nomes como Rosinha da Adefal e Rui Palmeira.

Essa eleição provou mais uma vez que política se faz com inteligência, dinheiro, um bom marketing político e com o contato direto com o povo. Quem pensava que já tinha vencido, caiu do cavalo e vai ter que ficar mais um tempo distante de Brasília. O que diria Heloisa Helena, ao iniciar uma campanha vitoriosa e perder de virada, para o fenômeno Benedito de Lira – o novo pop star da política local, com sua dançadinha ridícula.

O primeiro turno já foi. Passou. Agora nos resta pensar, pensar e pensar, para decidir em quem vamos votar no dia 31 de outubro. Temos duas escolhas importantes pela frente: uma o nosso futuro governador, que pode ser o mesmo que está há quatro anos ou o outro que passou oito anos no Poder. E a outra grande escolha é na política Nacional, quem será o nosso presidente (a)?

Vamos pensar e votar conscientes, afinal o voto pode pesar no futuro de todos nos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário